10 chaves para um autoerotismo perfeito

A maioria dos homens e mulheres, casados ​​e não casados, se masturbam de tempos em tempos. As mulheres tendem a fazer mais depois dos 20 anos, uma vez que há um aumento na resposta erótica. Mas quais são as dicas para melhorar a masturbação?

Anteriormente, acreditava-se que, na vida adulta, a masturbação causava um desenvolvimento sexual imaturo e a incapacidade de ter boas relações sexuais. Algo inadequado quando você tem um parceiro sexual.

Hoje sabe-se que é absolutamente normal e faz parte do repertório sexual. As pessoas que têm mais atividade sexual com o parceiro são estimuladas com mais frequência.

Um estudo de Saúde da Mulher descobriram que as mulheres casadas que se masturbam até atingirem o orgasmo têm maior satisfação sexual e conjugal do que aquelas que não o fazem.

Se você quer se conhecer, entrar no ritmo de uma estimulação de seus próprios genitais para ter uma resposta sexual máxima, compartilhamos as seguintes técnicas para alcançá-lo:

1.- Promova suas fantasias: Lembre-se que a emoção começa em sua mente, então comece a ler alguma história erótica, algum vídeo que desperta um forte desejo sexual. Você fez suas fantasias se tornarem realidade

2.- Freqüência: O padrão de frequência de autoerotismo em qualquer tipo de atividade sexual será diferente de uma pessoa para outra. Os fatores que influenciam: liberdade para se expressar sexualmente, a força de sua libido, estilo de vida, pressões, humor, saúde física. O que quer que seja uma prática "normal" de atividade sexual para você, pode não ser para outra pessoa.

3.- Variedade: É importante saber que existem vários tipos de brinquedos sexuais, tamanhos e formas e que as preferências variam. Para conseguir uma masturbação agradável, você deve estar confortável e seguro com o que você usa para a estimulação de seus genitais.

4.- Sinta-se à vontade! O fato de seu melhor amigo ou amigo se masturbar não significa que você deva fazê-lo. É uma questão pessoal e auto-confiança. Não pressione! Encontre um lugar confortável, sem distrações ou barulho, onde você pode se conectar com o seu próprio prazer.

5.- Movimento: As mulheres desfrutam de diferentes técnicas de estimulação. Normalmente, a mão faz movimentos circulares para frente e para trás; para cima e para baixo contra a área pubiana e o clitóris.

Alguns pressionam a área do clitóris contra algum objeto, como um travesseiro ou cama, alguns deixam cair os jatos de água. Outros se masturbam pressionando os músculos do assoalho pélvico que estão abaixo da vulva.

6.- Lubrificante: Lembre-se que o clitóris é uma área muito delicada, então você precisa que seus dedos estejam úmidos e bem lubrificados. Aconselhável manter os lábios vaginais abertos e esfregar o clitóris com os dedos, você não será capaz de resistir a tanto prazer!

7.- Penetração? Ao contrário do que a pornografia geralmente mostra, estudos recentes mostram que apenas algumas mulheres usam a inserção vaginal para atingir o orgasmo durante a masturbação. Apenas 1,5% insere o seu dedo ou um objeto em forma de pênis.

8.- Vibradores: Você pode adicionar o uso de um vibrador ou outros brinquedos sexuais para aumentar o prazer ou para dar variação ao estímulo. Existem muitos tipos de vibradores, que também estimulam o clitóris, o mini vibrador ou o vibrador convencional. Importante! Você deve estar muito excitado porque, caso contrário, se você colocá-lo em seu clitóris, pode ser irritante e doloroso.

9.- Brinquedos sexuais: Ao entrar numa Sex Shop você vai encontrar diferentes tipos de vibradores, bolas chinesas, estimuladores do clitóris, anéis ... Grande demanda no mercado feminino teve o IBUZZ, um pequeno dispositivo na forma de uma cápsula que vibra em sincronia com a música reproduzida por um iPod ou um MP É usado sob a cueca ou dentro da vagina. A intensidade das vibrações varia com o volume da música.

10.- Regule o sonho: Outro dos grandes efeitos que você terá ao ter uma resposta sexual ao se masturbar é liberar a tensão e o estresse. O hormônio ocitocina é secretado por ter um orgasmo. Este hormônio tem, entre outras funções, a capacidade de regular o sono. Você vai notar como você vai dormir melhor e ter um sono reparador.

A prática irá levá-lo à perfeição para aprender a controlar os músculos da parede vaginal, respiração e resposta orgástica. Quanto mais controle, confiança e conhecimento de seus genitais, você será mais capaz de ter orgasmos com ou sem seu parceiro.

Lembre-se de que qualquer comportamento que seja feito em excesso se torna prejudicial, o auto-prazer pode ser um pouco compulsivo. Desde que não o isole ou o afete em seu trabalho diário, social e na rotina do casal, não fique sobrecarregado. Apenas tome precauções! E você, quais métodos você usa para melhorar a masturbação?

Siga-nos em "Arial", "sans-serif"; cor: # 246D93 "> @ GetQoralHealth" Arial "," sans-serif "; cor: # 333333">, "Arial", "sans-serif"; color: # 246D93 "> GetQoralHealth no Facebook e" Arial "," sans-serif ""> YouTube


Medicina Vídeo: Ghostmates (Junho 2020).